| Associação Académica de Coimbra

A Associação Académica de Coimbra (AAC) e o Gabinete de Apoio à Vítima de Coimbra (APAV) renovaram hoje, dia 27, o protocolo de colaboração.

A parceria visa sobretudo a prevenção da violência sexual no ensino superior através da sensibilização dos jovens para os comportamentos de risco não só durante todo o ano, mas com especial incidência nas festas académicas – a Queima das Fitas e a Festa das Latas.

De acordo com a APAV, um estudo realizado “revela que 29% dos estudantes do ensino superior em Portugal relatam já terem sido vítimas de pelo menos um ato sexual não consentido ao longo da sua vida. O ambiente festivo, a natural necessidade dos jovens universitários de encetar novas experiências, de explorar os limites pessoais e grupais, o aumento da atividade sexual, a frequente exposição a consumos excessivos de álcool e outras substâncias, são fatores que podem constituir um maior risco para a ocorrência de crimes sexuais, em particular nas duas grandes festas académicas”.

O protocolo assinado vem dar continuidade ao trabalho já começado em dezembro de 2012 e que termina em junho de 2014.