| Associação Académica de Coimbra

Em Caldas da Rainha, palco da 2ª Jornada do Circuito Nacional de Seniores, os atletas da Secção de Badminton da AAC voltaram a apresentar-se em excelente nível obtendo mais uma série de vitórias em várias das provas em disputa.

O maior destaque vai para a dupla Diogo Silva e Nuno Santos que conquistaram a prova de pares masculinos em Absolutos, categoria máxima do badminton português. Silva e Santos fizeram uma prova imaculada derrotando nos quartos-de-final os crónicos campeões nacionais Fernando Silva e Hugo Rodrigues, eliminando a melhor dupla madeirense nas meias-finais e, finalmente, ganhando de forma bastante convincente na final ao par Tomás Nero e Bruno Carvalho que havia ganho a prova na 1ª Jornada. Um desempenho sensacional dos dois atletas numa das provas mais difíceis e competitivas no badminton nacional.

Na categoria de Absolutos realce ainda para a terceira posição obtida por Nuno Santos na prova de singulares. O atleta conimbricense sofreu a primeira derrota da temporada vendo terminada a sua série de treze vitórias consecutivas. Certamente que este percalço vai motivar Nuno para voltar ainda mais forte nas próximas competições. Em Absolutos merece ainda destaque a prova, acima de todas as expectativas, realizada pelo par misto Rui Mendes e Rita Dias (de 18 e 17 anos respetivamente) que obtiveram o terceiro lugar e demonstraram todo o seu potencial jogando a um nível bastante elevado que lhes permitiu surpreender na divisão mais importante do badminton em Portugal.

As restantes vitórias dos «estudantes» surgiram novamente na categoria D (terceira mais importante no nosso país). Luís Cruz apresentou-se num nível espetacular e conquistou a prova de singulares e ainda a prova de pares mistos com a também academista Sara Sintra. Depois de na 1ª Jornada ter sido eliminado ainda nos quartos-de-final, Cruz mostrou toda a sua capacidade e qualidade ao longo do fim-de-semana conquistando de forma justíssima o título nesta jornada. Sara Sintra juntou à vitória na prova de pares mistos, o último lugar do pódio na competição de singulares, sendo eliminada após uma partida muito equilibrada com a atleta nº 1 do ranking nacional da respetiva categoria.

Mais um fim de semana com excelente desempenho da Briosa e que se espera que motive os mais jovens para a sua prestação no próximo fim-de-semana na 2ª Jornada do Circuito Nacional de Não Seniores.