| Associação Académica de Coimbra

O Círculo de Iniciação Teatral da Academia de Coimbra, CITAC, é um organismo Autónomo da AAC (Associação Académica de Coimbra), orientado no sentido da criação prática e formação no domínio do teatro. Nascido em 1954, adopta o desafio do experimentalismo. Além de um grupo de teatro, podemos destacar o seu carácter de resistência ao fascismo anterior à revolução de Abril, razão pela qual foi perseguido e, posteriormente, fechado pela PIDE (1970). Desde então tem traçado um caminho, resistindo a moldes pré-concebidos, através de uma seleção eclética de textos e da sua adaptação para o palco pela interação de elementos técnicos e humanos, possível pelo entendimento mútuo de todos os intervenientes que contribuem como um todo para a concepção do espetáculo.

É nesta perspetiva que o CITAC procura definir e assumir a sua identidade, desenvolvendo ao longo destes 50 anos de existência uma batalha constante para o enriquecimento e dignificação do Teatro Universitário em Portugal. A sua actividade tem-se baseado na produção de espectáculos teatrais, digressões no país e no estrangeiro, bem como na participação em vários festivais de teatro. Organizou festivais, editou os “Cadernos de Teatro” em continuidade do “Boletim do CITAC”, publicações no campo teatral. No entanto, o seu principal objectivo foi sempre a formação, apostando para isso num curso de iniciação teatral que se realiza bianualmente e em ateliers específicos para a aprendizagem de determinadas técnicas.
Paralelamente a estas actividades é hábito do CITAC manter a realização de eventos culturais nas suas mais variadas vertentes, desde concertos, exposições de arte, workshops vários, e performances de rua, entre outros, intervindo pontualmente em eventos que aconteçam na cidade.
Tudo se tem tornado possível neste nosso círculo pela alternância de pessoas interessadas em fazer teatro, em experimentar o crescimento pessoal através da arte. Umas seguem o caminho do teatro, a maioria guarda-o consigo.

Facebook

Site