| Associação Académica de Coimbra

Cerca de 3.700 euros irão ser doados ao fundo solidário Justiça e Paz 

Está feito o balanço da Festa das Latas 2014. A Comissão Organizadora anunciou hoje, em conferência de imprensa, que o balanço final foi extremamente positivo, tendo o lucro total da Festa atingido os 27 mil euros, invertendo assim a tendência dos últimos anos. Cerca de 3 mil euros foram ainda doados ao fundo solidário Justiça e Paz, fazendo desta uma Festa também de causas.

Para Bruno Matias, Presidente da Direção-Geral da Associação Académica de Coimbra (DG/AAC), todas as alterações realizadas no formato da Festa das Latas deste ano, como a redução de dias, a pausa letiva, o cartaz apelativo e a redução do preço do bilhete geral, tiveram um papel fundamental neste balanço tão positivo. Esse fator refletiu-se também num aumento no número total de visitantes ao Parque da Canção, apesar da redução dos dias de festa, o que representa um aumento em relação ao ano transato. No total foram cerca de 55 mil pessoas, vindas de vários países, que passaram pela Festa das Latas 2014 que acabou por ter repercussões internacionais, sendo noticiada nos órgãos de comunicação social nacionais e internacionais, confirmando também a aposta ganha no novo modelo de venda de bilhetes online.

Também a tenda dos Núcleos (Tenda Moche), viu um novo conceito ser aplicado este ano, o que acabou por se verificar num maior empenho e desenvolvimento no trabalho dos mesmos. Bruno Matias, aproveitou a ocasião para agradecer esse empenho e compreensão dos núcleos de estudantes da Associação Académica de Coimbra. “Sem eles a Festa não se fazia”, rematou.

Os agradecimentos do Presidente da DG/AAC foram direcionados também para a Comissão Organizadora, colaboradores da organização, responsáveis pela segurança (365), grupos académicos e tunas frisando “que a Festa das Latas é isto mesmo” e que não pode perder nunca essa vertente cultural e académica.

Outro dos pontos salientados por Bruno Matias foram a politização da Festa e do Cortejo que sensibilizou a sociedade civil e académica para a problemática da falta de financiamento do Ensino Superior em Portugal, nomeadamente da Universidade de Coimbra, e a iniciativa “Não lixes o Mondego” afirmando que foi com muito gosto que a Festa das Latas se associou à causa, agradecendo também às instituições responsáveis pela iniciativa. Com esta atividade cerca de 850 carrinhos de compras foram recolhidos nos pontos de entrega e não foram, desta vez, parar ao Rio Mondego.

 

IMG_35dasdasdasd39